Comunicado de Imprensa

Durante o mês de Novembro do corrente ano, o Africans Rising pela Justiça, Paz e Dignidade vai realizar uma série de programas que estarão focados em unir os africanos e consciencializá-los sobre Fluxos Ilícito de Capitais (IFFs/fuga ao Fisco) em todo o continente africano a partir de Maputo, Moçambique.

A Plataforma Nacional de Engajamento de Moçambique (NEP) será lançada no dia 7 de Novembro de 2018. A plataforma será estabelecida para ajudar a cumprir as múltiplas promessas da Declaração do Kilimanjaro, nomeadamente a promoção da democracia, igualdade social e de género, transparência e justiça ambiental.

Espera-se que esta Plataforma Nacional de Engajamento reúna, a nível nacional, diferentes grupos sociais cujas acções são um testemunho vivo da mudança de base que foi muito necessária em todo o continente. Embora tenham orientação progressiva, alguns desses movimentos ficaram insuficientes por causa de suas abordagens fragmentadas e desconexão de outros grupos sociais que compartilham suas visões e poderiam elogiar seus esforços. À medida que nos reunimos para alcançar os objetivos declarados, esperamos que os participantes estejam equipados com as ferramentas necessárias para elaborar e implementar uma agenda de acção inovadora compartilhada a ser chamada de PLATAFORMA NACIONAL DE MUDANÇA.

Depois do lançamento da Plataforma Nacional de Engajamento em vários países africanos, espera-se que o Africans Rising estabeleça as principais prioridades das Organizações da Sociedade Civil (OSCs), movimentos, artistas e jovens em cada país. Portanto, em colaboração com as várias entidades, o movimento criará um quadro de referência (roteiro) para alcançar os diferentes objectivos depois uma série de reuniões e iniciativas. O objetivo é ter uma Plataforma Nacional de Engajamento totalmente estruturada e um cronograma claro de atividades de acompanhamento entre as Plataformas Nacionais de Engajamento e o Levante dos Africanos.

O workshop sobre Fluxo Ilícito de Capitais (IFFs/Fuga ao Fisco) será realizado no dia 8 de Novembro de 2018, no Complexo Pedagógico do Campus da UEM. O Workshop destina-se a estabelecer uma consciência a nível local sobre os MFIs e os impactos destes esquemas para prevenção e bem-estar financeiro e ambiental dos africanos. A África perde até US $ 70 bilhões por ano devido ao IFFs, o Africans Rising objectiva, mais uma vez, reacender activistas de base e comunidades locais em desafiar o fluxo ilícito de capitais e / ou construir solidariedade com iniciativas existentes para lutar contra tal injustiça inaceitável. 

Se você estiver interessado em participar de qualquer um dos eventos mencionados acima, compartilhe os seguintes detalhes: Nome Completo, Nome da Organização, Contacto, Cidade, País e Endereço de E-mail com nossa Coordenadora de Engajamento e Colaboração, Farida Nabourema Bemba, através do [email protected]

Uncategorized

Deixar classificação ou um comentário